Margaridas já estão a caminho de Brasília para marchar pela reconstrução do Brasil e pelo bem viver

180

Margaridas de todo o País já estão nos ônibus, nos barcos e em aviões, cruzando o Brasil, para realizarem a maior Marcha das Margaridas da história. Estão sendo esperadas mais de 100 mil mulheres do campo, da floresta, das águas e das cidades para a 7ª Marcha das Margaridas, que acontecerá nos dias 15 e 16 de agosto de 2023, em Brasília/DF.

No dia 15, boa parte das caravanas já estará na capital do País, participando de uma intensa programação no Pavilhão do Parque da Cidade. O restante se juntará na madrugada do dia 16 para somar forças na tradicional marcha em direção à Esplanada dos Ministérios.

A expectativa das Margaridas é que o anúncio com o resultado das negociações da pauta de reivindicações seja feito pelo próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no ato de encerramento da 7ª Marcha das Margaridas, em palco montado nas proximidades do Congresso Nacional, a partir das 10h30.

Programação

Além de marchar, a programação contará com diversas atividades e a população de Brasília poderá participar e conhecer mais sobre “as Margaridas” e entender mais sobre a sua luta.

No dia 15, praticamente toda a programação será concentrada no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade. Na área externa já está sendo montada a estrutura para receber a Mostra Nacional da Produção das Margaridas. Ao longo do dia, quem for ao local, poderá conferir diversos produtos que identificam a cultura, o modo de vida, o território e demais características das guardiãs dos saberes e dos seus modos de reprodução da vida. Nesse espaço ocorrerá também troca de sementes e rodas de conversa.

Ainda na área externa, no local do credenciamento, será montado um ponto de coleta da campanha de arrecadação de alimentos não-perecíveis e de roupas em bom estado, principalmente de agasalhos, para doação a entidades que atendem pessoas carentes de Brasília.

Paralelamente às atividades que serão realizadas no Pavilhão, às 9 horas, no Plenário do Senado Federal, acontecerá a Sessão Solene em homenagem à Marcha das Margaridas com a presença de mulheres do campo, da floresta e das águas de todos os estados brasileiros e de outros países.

Já na área interna do Pavilhão, um ambiente promete fortes emoções: a Casa de Margarida Alves. Esse espaço funcionará apenas no dia 15, de 9h às 17h, com lançamento de livros, espetáculos, exibição de filmes e documentários.

Além desses e de outros espaços, a programação contará com oficinas temáticas e lúdicas, painéis e rodas de conversas, plenárias, partilha de saberes, tenda da cura, atividades autogestionadas, apresentações culturais e muito mais. Todas essas atividades previstas estão articuladas ao lema da 7ª Marcha “Pela Reconstrução do Brasil e Pelo Bem Viver” e com os 13 eixos políticos da Marcha das Margaridas 2023:

– Democracia participativa e soberania popular;

– Poder e participação política das mulheres;

– Vida livre de todas as formas de violência, sem racismo e sem sexismo;

– Autonomia e liberdade das mulheres sobre o seu corpo e a sua sexualidade;

– Proteção da Natureza com justiça ambiental e climática;

– Autodeterminação dos povos, com soberania alimentar, hídrica e energética;

– Democratização do acesso à terra e garantia dos direitos territoriais e dos maretórios;

– Direito de acesso e uso da biodiversidade, defesa dos bens comuns;

– Vida saudável com agroecologia e segurança alimentar e nutricional;

– Autonomia econômica, inclusão produtiva, trabalho e renda;

– Saúde, Previdência e Assistência Social pública, universal e solidária;

– Educação Pública não sexista e antirracista e direito à educação do e no campo;

– Universalização do acesso à internet e inclusão digital.

Abertura oficial da Marcha das Margaridas

O ato de Abertura Político-Cultural da Marcha das Margaridas acontecerá no palco principal do Pavilhão do Parque da Cidade, às 17 horas (horário de Brasília), com transmissão no Facebook, YouTube e Portal da CONTAG, e no Facebook da Marcha das Margaridas. Este momento contará com a participação de diversas autoridades, personalidades, de representantes de organizações parceiras e de diversas convidadas e convidados. Além de falas políticas, também será um momento cultural e de reafirmação da Pauta das Margaridas.

Para a abertura, estão confirmadas as presenças do vice-presidente da República, Geraldo Alckmin; ministras Cida Gonçalves (Mulheres), Anielle Franco (Igualdade Racial), Nísia Trindade (Saúde), Sônia Guajajara (Povos Indígenas) e Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança do Clima); ministros Márcio Macêdo (Secretaria-Geral da Presidência da República), Paulo Teixeira (Desenvolvimento Agrária e Agricultura Familiar) e Sílvio Almeida (Direitos Humanos e Cidadania); além de diversas/os parlamentares, entre outras autoridades.

Matéria completa no site da Contag

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here