Wil Pereira é reeleito presidente da CUT Ceará

7



Cerca de 283 delegados e delegadas do 14º Congresso Estadual da CUT Ceará (CECUT) “Sindicatos fortes, direitos, soberania e democracia”, elegeram neste domingo (1/12), em chapa única, com representação dos principais ramos e respeito à paridade entre homens e mulheres, a nova direção Estadual da CUT para o mandato de 2019/2023. O processo de eleição foi coordenado pelo presidente da Fetraece, Raimundo Martins. A maior delegação do CECUT foi a dos trabalhadores/as rurais com mais de 160 delegados/as. O evento ocorreu no auditório do antigo Hotel Romanos, em Fortaleza.


 


Para a presidência da entidade foi reeleito, por unanimidade, o metalúrgico Wil Pereira. A vice-presidência será ocupada pelo professor Helder Nogueira. A Secretaria de Finanças será conduzida por Emanuel de Lima.


 


Ao ser empossado, Wil Pereira fez um breve balanço do seu primeiro mandato, destacando que a CUT Ceará realizou e/ou participou de mais de 1.000 atividades distribuídas em todas as regiões do estado, durante o período que foi marcado por um golpe de estado, aprovação de reformas que prejudicam os trabalhadores e a chegada da extrema-direita ao poder. O dirigente também agradeceu a todos os delegados e convidados que participaram do 14º CECUT pela qualidade dos debates realizados durante os dois dias de Congresso.



 “Conduzimos a Central durante o maior ciclo de lutas desde a redemocratização. Participamos de mais de mil atividades em parceria com sindicatos, federações, frentes populares e movimentos sociais. Conseguimos derrotar a reforma da Previdência de Michel Temer, após colocar 500 mil pessoas nas ruas do Ceará na maior greve geral da nossa história, além de defender a liberdade e a inocência do ex-presidente Lula. Agora o nosso principal desafio é enfrentar o pacote de maldades do governo de Jair Bolsonaro, e faremos isso da mesma forma, com muita determinação, coragem e unidade”, finalizou o presidente reeleito.


 


 


O vice-presidente


 


Helder Nogueira, que será o vice-presidente da CUT, agradeceu o apoio de todos e todas durante seu mandato na secretaria de administração e finanças e destacou que a nova gestão precisa estar firme para enfrentar os desmandos de Jair Bolsonaro em especial, a reforma sindical.


 


“Vamos continuar organizando a classe trabalhadora do campo e da cidade para enfrentar este governo, fazer as lutas necessárias em defesa dos nossos direitos e derrotar a reforma sindical”, disse Helder.


 


Resoluções e moções


 


Os delegados e delegadas aprovaram, por unanimidade, o plano de lutas da CUT nacional e oito resoluções sobre política e organização sindical, adesão de novos sindicatos, valorização do serviço público, defesa das estatais, combate à violência contra a mulher, fortalecimento das frentes populares e contra as escolas cívico-militares. O plenário também aprovou moções em apoio à luta de resistência dos trabalhadores ao desmonte do SINE/IDT e em solidariedade a secretária-geral do Partido dos Trabalhadores (PT) da Argélia, Louisa Hanounea, mantida presa de forma injusta pelo Tribunal Militar do seu país.


 


Sobre o 14º CECUT


 


357 delegados e delegadas se inscreveram para o 14º CECUT. Deste total, 283 se credenciaram, sendo 135 homens e 148 mulheres. A maior delegação foi da categoria dos trabalhadores rurais, que levou 166 delegados/as.


 



 


Confira a lista da nova direção da CUT Ceará:


 


Presidente: Francisco Wil e Silva Pereira


Vice-Presidente: Helder Nogueira Andrade


Secretária-Geral: Lúcia Maria Silveira de Queiroz


Secretário de Administração e Finanças: Emanuel Alves Lima (Rural)


Secretária de Comunicação: Maria Jizolda Evangelista Soares (Rural)


Secretária de Combate ao Racismo: Kátia Rogéria Rodrigues dos Santos


Secretária de Formação: Enedina Soares da Silva


Secretário da Juventude: Fernando Marques Ventura (Rural)


Secretária de Saúde do Trabalhador: Carmem Sílvia Ferreira Santiago


Secretária da Mulher Trabalhadora: Maria de Fátima Uchoa Sousa (Rural)


Secretário de Políticas Sociais: Roberto Luque de Sousa


Secretário de Relações do Trabalho: Ana Cláudia Silva de Souza


Secretário de Meio Ambiente: Claudemir Brito de Oliveira


Secretário de Organização e Política Sindical: José Cândido da Silva Filho (Rural)


Secretário de Mobilização: Alan Robson Ricardo Alves (Rural)


Secretário de Assuntos Jurídicos: Sebastião Costa do Nascimento


Secretária de Cultura: Maria Edivânia da Silva Costa (Rural)


Secretária Executiva: Maria Osmarina Modesto de Sousa


 


 


Direção Plena


 


Francisco Ataíde de Oliveira (Rural)


Cesariano Rodrigues Fernandes (Rural)


Antônia Luciene Ferreira da Silva (Rural)


Raimunda Alves de Pinho (Rural)


Flávio Pereira de Sousa (Rural)


Jocilene Matos Maia (Rural)


Ninívia Maciel Evangelista Souza Campos


Francisco Gomes Sobrinho


Liduína Marques Costa


Geraldo Alves de Sales


Leandro Medeiros de Lima


Alyne Kelly Albuquerque da Costa


Cândida Maria de Carvalho Lobato


Adriana Costa de Carvalho


Luiz de Souza Filho


Maria Ozaneide de Paulo


José Valmir Braz


Francisca Helenice Pereira


 


 


Fonte: CUT-CE com edição da comunicação da Fetraece


Fotos: Janes P. Souza