IX edição da Feira da Agricultura Familiar (FECEAF) movimentará 300 expositores

5


De 1º a 3 de julho, o Parque de Exposições César Cals recebe a nona edição da Feira Cearense da Agricultura Familiar (FECEAF). O evento contará com a participação de 300 expositores com o objetivo de promover a agricultura familiar cearense, através da divulgação, exposição e comercialização de produtos de origem agrícola, pecuária e artesanal. Tudo Gratuito!


 



 


A maior feira de origem da agricultura familiar no Ceará começa na próxima sexta-feira (1) com a abertura da IX FECEAF (Feira Cearense da Agricultura Familiar) e a participação de 300 expositores de todas as regiões do estado. A organização espera que a edição de 2016 leve ao Parque Governador César Cals, no bairro São Gerardo, 20 mil pessoas e movimente R$ 1,5 milhão, superando os números de 2015. 


 


A feira é uma co-produção da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece) e a Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) com o apoio de entidades como Ematerce, Idace, Adagri, Instituto Agropolos, os 183 sindicatos municipais filiados a Fetraece , Contag, CUT, Cooperbio e Cealtru.


 


O evento reunirá uma diversidade de produtos da agricultura familiar durante os três dias de programação, além da venda de animais: ovinos e caprinos; venda de aves e ovos caipiras; venda de peixes; venda de mel de abelhas com ferrão e sem ferrão; venda de produtos artesanais; venda de produtos não agrícolas como cachaça artesanal; entre outros, cultivando os valores culturais, ambientais, políticos e democráticos do campo.


 


Todos os produtores que vão participar da Feceaf não usam agrotóxicos em suas lavouras. As principais atrações da IX FECEAF serão: casa de farinha – beijú, tapioca, goma fresca e farinha; engenho – rapadura na quenga de coco, alfenim, batida e rapadura; bodega (com decoração rústica); fazendinha; pavilhão da agroindústria familiar; pavilhão das inovações e tecnologias apropriadas para Agricultura Familiar; exposição de animais; concurso leiteiro (caprino e bovino); premiação para os animais de melhor padrão racial e produtividade leiteira; praça de alimentação com comidas típicas da roça; stands institucionais; e festival cultural com forró pé de serra durante o horário do almoço e no período da noite até às 22h. Nessa edição a novidade será a degustação de produtos oriundos da caprinocultura, como leite e queijos, que acontecerá no dia 1º às 17h.


 


Economia


No ano de 2015 a Feceaf foi um sucesso de público e de geração de emprego e renda, superando a expectativa dos organizadores. O resultado foi R$1,1 milhão movimentados entre feirantes cadastrados, casa de farinha, engenho, exposição e venda de maquinários agrícolas voltadas para a agricultura familiar entre outros.


“A Feira Cearense da Agricultura Familiar se apresenta com um espaço tradicional para os agricultores e as agricultoras familiares demonstrarem que com investimento e adoção de tecnologias sociais como os quintais produtivos, as mandallas, as pequenas irrigações, entre outras, é capaz de produzir mesmo o Ceará enfrentando o quinto ano de seca”, afirma o secretário de Política Agrícola da Fetraece José Francisco de Almeida Carneiro.


 


Investimentos


A feira é uma ação que possibilita levar para o meio urbano a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a agricultura familiar, que segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), através do Censo Agropecuário de 2006, é responsável por mais de 70% da produção dos alimentos que chegam à mesa do povo brasileiro.


Segundo do secretário do Desenvolvimento Agrário, Dedé Teixeira, a obrigatoriedade da compra de produtos da agricultura familiar por parte dos órgãos públicos como escolas, hospitais, presídios é uma conquista para o país, pois a saída do Brasil do mapa da fome e o combate à pobreza é uma melhoria atrelada à ideia da promoção da alimentação saudável através da agricultura familiar. “O Governo do Estado do Ceará tem valorizado cada vez mais o setor da agricultura, desenvolvendo leis e projetos que melhoram a renda do produtor e a qualidade de vida de toda população”.


 


História


A FECEAF teve início em 2008 quando a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece) e o Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), quando o governador Camilo Santana era o secretário da pasta, fecharam parceria para o fortalecimento da cultura dos homens e mulheres do campo.


 


CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O SPOT DE DIVULGAÇÃO (ao abrir a janela do áudio, clique com o botão direito do mouse e depois em salvar como)


 


Serviço:


IX Feira Cearense da Agricultura Familiar (FECEAF)


De 1 a 3 de julho de 2016


Local: Parque de Exposições César Cals, avenida Sargento Hermínio, 2677, bairro São Gerardo


Entrada: Gratuita