Agricultores e agricultoras familiares vão às ruas contra GOLPE!

6



 


Dezenas de entidades sindicais e sociais realizaram um grande ato em defesa da democracia em Fortaleza-CE, na tarde de quinta-feira (20). A ação contou com a participação de milhares de pessoas, que percorreram as ruas do Centro da Capital, em um grito contra a tentativa de golpe que é arquitetado por partidos e organizações neoliberais. Entre as entidades que lutam pelo fortalecimento do estado democrático estavam a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece) e a Central Única dos Trabalhadores (CUT-CE). Do total de participantes, cerca de mil eram agricultores e agricultoras familiares que vieram do interior cearense.   


 


Durante a caminhada, as pessoas entoaram palavras de ordem como “Não vai ter golpe!” e “Fica Dilma!”. O presidente da Fetraece, Luiz Carlos Ribeiro Lima, destacou a importância da manifestação. “Temos de ir às ruas. Não podemos ficar de braços cruzados enquanto atacam a democracia brasileira. Defendemos o estado democrático e a presidente Dilma contra ataques golpistas”, finaliza o presidente.


 


“Estamos nas ruas como sempre estivemos. Estamos nas ruas para dialogar com a sociedade. Apoiamos a democracia e somos contra o Golpe”, anunciou o presidente da Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE), Wil Pereira.


 


A mobilização foi nacional e contou com ações em diversos outros estados, como São Paulo, Pernambuco, Piauí e Rio de Janeiro. 


 


 


 


Assessoria de Comunicação da Fetraece


Texto e foto: Janes P. Souza